O que é Murph Crossfit? – Onde surgiu e como fazer!

Um dos treinos que sem dúvida você deve ter ouvido falar dentro da academia que faz parte é o treino Murph Crossfit. Não ouviu? Então hoje você vai conhecer mais a respeito deste treino em …

Foto do Idealizador da técnica Murph Crossfit: Tenente Michael Murphy

Um dos treinos que sem dúvida você deve ter ouvido falar dentro da academia que faz parte é o treino Murph Crossfit. Não ouviu?

Então hoje você vai conhecer mais a respeito deste treino em específico e entender porque ele é tão comentado no fim do ano.

Além disso, também vamos responder às principais dúvidas de como fazê-lo e claro, trazer os principais benefícios de fazê-lo na sua rotina.

Assim, com tudo isso dito, estamos começando nosso conteúdo, mas antes, lembre de compartilhar com seus amigos que também são iniciantes no Crossfit.

Vamos lá!

Como funciona o treino Murph Crossfit?

O treino Murph se trata de um série de exercícios que literalmente funciona para treinar todo o seu corpo, utilizando tanto exercícios aeróbicos quanto os anaeróbicos.

Afinal, além de corridas de 1,6km, ele também mescla exercícios como flexões e agachamentos sem o uso de carga e somente trabalhando a boa execução.

“Quantas repetições e a sequência do treino?”

Neste exercício em específico você deve seguir esta sequência:

  • Primeiramente você vai começar a correr uma milha, ou seja, 1,6 km dando passadas leves e sem realmente gastar toda sua energia no começo do treino.
  • Após isso, você vai prosseguir para a segunda parte do treino que serão 100 execuções na barra fixa (com instrução do professor que irá adequar o nível de dificuldade).
  • Em seguida, continuará o seu treino realizando 200 flexões estilo militar (caso seu nível ainda seja de iniciante, o seu professor irá realizar adaptações).
  • Chegando ao fim dos exercícios anaeróbicos você terá 300 agachamentos com quadris em 90° até a sua total falha.
  • Por fim, a última parte deste exercício trata-se de você finalizar mais 1 milha (1,6km) utilizando o máximo da sua energia para completar a distância.

Quer salvar esse treino para conferir depois? Baixe a imagem:

Sequência do treino Murph Crossfit

Onde surgiu o treino Murph?

Agora que você já conhece como funciona o treino Murph e as etapas para a sua conclusão, você ainda precisa conhecer uma informação muito importante.

Isto é, onde surgiu este treino? Por que ele tem esse nome?

Apesar de ser um exercício muito “pesado” devido a sua carga de esforço e energia necessária, a motivação para sua criação tem um peso maior.

Pois, ele somente surgiu devido a um ato de bravura de um soldado que deu a sua vida para salvar os seus companheiros no campo de batalha.

O tenente Michael Murphy da marinha americana deu sua vida em prol dos seus companheiros no ano de 2005 em serviço no Afeganistão.

Tal ato foi reconhecido e entrou para os chamados “Hero WOD” (Hero – Herói + WOD – Treino do Dia) sendo realizado sempre na última segunda feira de maio no Memorial Day (feriado americano que homenageia os militares americanos).

Contudo, no Brasil, este treino é feito sempre no fim do ano, sempre estando bem próximo ao Natal.

“Certo, mas, o que este Tenente fez?”

O ato de coragem de Michael Murphy ocorreu no momento em que liderava sua equipe em território afegão que acabaram sendo encurralados.

Para salvar seus companheiros Murphy entrou na linha de disparos inimiga e rechaçou os inimigos até conseguir sinal de rádio da base e acionar o resgate.

Ele realmente conseguiu fazê-lo, perdeu sua vida no processo, o resgate veio e infelizmente também foi abatido, onde de sua equipe de 5 pessoas apenas 1 pessoa conseguiu sobreviver.

O soldado Marcus Lutrell que estava sendo liderado por Murphy e que graças aos seus esforços conseguiu sair desta emboscada.

Você também pode gostar de:

Por que o treino Murph é feito no fim do ano?

Agora que você já sabe tudo a respeito do treino Murph, sua história e como realizá-lo, vamos responder uma dúvida que plantamos neste artigo.

Isto é, o porquê do treino Murph Crossfit ser feito no Brasil no fim do ano.

A resposta para isso é bem simples: Em nosso país não seguimos esta mesma tradição americana e para nós este treino possui outro propósito.

Basicamente, por ser um treino muito intenso e que exige muito do praticante, seu uso normalmente está atrelado para avaliar os praticantes.

Por isso, sempre no fim de ano, os primeiranistas no Crossfit realizam esse workout e verificam até onde conseguiram realizar sem realmente encontrar dificuldades.

Dicas profissionais para a execução do Murph

Se você vai realizar o seu treino Murph pela primeira vez, confira essas dicas do coach Gabriel Zaiden do box Gávea CrossFit para ir se familiarizando com a sequência:

Reproduzido de: Youtube / Canal Gávea Crossfit
Esse conteúdo não foi desenvolvido em parceria com o Fitness Tênis.

Compartilhar

Deixe um comentário